O tempo é um eterno retorno

Não foram poucas as vezes em que eu retornei. Parei o que estava fazendo, me localizei no espaço-tempo e dei um passo atrás para enxergar melhor o que foi, o que é, e o que será. Para que haja um equilíbrio na ida, antes, é preciso que cada partícula do que você sente hoje seja desbravada intensamente.

Apenas seguir em frente nem sempre vai lhe fazer chegar lá. Até porque não adianta colocar um pé na frente do outro se todas as outras partes do seu corpo estão olhando para trás: a cabeça, o coração, o olhar.

Uma linha reta, sinto dizer, não é uma estrada confiável, pois, se assim o fosse, tudo seria muito fácil. E quando foi que a facilidade nos premiou com algo condensado, resistente? 

O tempo é um eterno retorno porque ir também é voltar, e voltar é uma forma de ir em paz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s